Mês de agosto registra queda de 13,5% na produção de motos no Brasil

Image result for Mês de agosto registra queda de 13,5% na produção de motos no Brasil

O setor de produção de motos no Brasil teve uma redução no mês de agosto em 13,5%, comparado com o mesmo mês no ano passado. Ao todo, a produção registrou um número de 80.192 unidades de motos em todo o país. O número é menor que a produção do mês de agosto de 2016, quando o setor registrou um total de 92.725 motos. Os novos dados das produções de moto no Brasil são da Abraciclo – Associação Brasileira dos Fabricantes de Motocicletas, Ciclomotores, Motonetas, Bicicletas e Similares.

Além da queda da produção no mês de agosto, o acumulado do ano também apresentou uma queda no número de produção do setor. Mesmo sendo um percentual menor, 9%, o acumulado representa uma grande parcela da produção do setor em níveis econômicos. Desde o início do ano até pouco mais da metade, período que corresponde de janeiro a agosto de 2017, cerca de 575.524 motos foram produzidas no Brasil. Os primeiros oito meses do ano de 2016 registrou a produção de 632.490 unidades.

No entanto, o setor de motos, assim como o de carros, tem exportado mais unidades para outros países. A alta na exportação do setor é de 60,1% a mais do que foi registrado no mês de agosto de 2016. Esses percentuais representam um total de 7.239 motos exportadas para outros países no mês de agosto.

Mesmo com os números apontando a queda nas produções do setor, a Abraciclo ainda espera um crescimento acentuado no número de motos produzidas no Brasil. As estimativas da associação é de que até o final deste ano, cerca de 910 mil motos sejam produzidas pelas montadoras. Se esses números foram concretizados, o percentual será de 2,5% maior que a produção total do ano passado.

Em 2016, foram produzidos um total de 887.653 unidades de motos no Brasil. O setor apresentou uma boa taxa de concentração na produção. Neste ano, como a produção já se iniciou com queda no setor, as perspectivas são de que, pelo menos, o setor não feche com queda. Mas se as perspectivas da Abraciclo corresponderem ao resultado final no ano, o setor superará a produção do ano passado.